Havan prevê melhores resultados no balanço de 2016 em relação ao ano anterior

A Havan, maior rede de lojas de departamentos do Brasil, anunciou que retomará em 2017 seu plano de expansão, prevendo a abertura de pelo menos 10 megalojas em seis estados brasileiros, com investimentos de R$ 300 milhões e geração de 2.500 novos postos de trabalho. A empresa deverá ter, até o fim do ano, 104 lojas em 15 estados, cumprindo, então, sua meta da centésima filial, o que deverá ocorrer quando a rede inaugurar sua primeira unidade no Estado do Acre, na capital Rio Branco.
(Foto: Divulgação / Havan)
O diretor-presidente da Havan, Luciano Hang, está otimista com a retomada do crescimento, já que as vendas de outubro cresceram 15% em relação ao mesmo período de 2015. O empresário aproveitou para visitar, também no mês de outubro, as 10 regiões nas quais a empresa já possui terrenos ou projetos definidos em shopping centers, com o objetivo de verificar as condições de cada um e elaborar um cronograma de obras e inaugurações, acelerando os investimentos para o ano que vem. Ele afirma que o plano de expansão prioriza a continuidade dos projetos que já haviam sido lançados mas, devido à retração da economia e à instabilidade política do País, tiveram que ser adiados.

As primeiras inaugurações em 2017 serão as de Foz do Iguaçu/PR (a segunda loja da Havan naquela cidade, como âncora do Shopping Catuaí), e de Jundiaí/SP, ambas já em construção. Além destas e do Acre, os investimentos incluem, ainda, os estados de Santa Catarina, Bahia e Rondônia.

“Estamos vivendo um momento de otimismo, que nos motiva a planejar 2017 com todo o vigor, retomando os investimentos que ficaram parados no último ano. Desde setembro percebemos uma reação nas vendas, com crescimento mais expressivo em outubro e expectativas muito positivas para o fim de ano, graças a essa onda de confiança que tem acompanhado a economia do País”, afirmou Luciano Hang.

A Havan comemorou 30 anos em 2016 e tinha a intenção de inaugurar a centésima filial como parte das comemorações. Porém, como a maioria das empresas brasileiras, preferiu manter a cautela quanto a novos investimentos, devido à desaceleração do consumo. Concentrou-se na consolidação das unidades já instaladas, com foco em melhorias internas. A estratégia deu certo e a Havan prevê fechar 2016 com desempenho melhor do que em 2015. “Vamos crescer acima da média e isso nos impulsionará para fazermos de 2017 um excelente ano para a nossa empresa”, disse Hang.

 A Havan

·         30 anos

·         94 megalojas

·         14 estados brasileiros

·         75 cidades

·         Mais de 1 milhão de metros quadrados construídos

·         10 mil colaboradores

·         110 milhões de clientes ao ano

·         R$ 1 bilhão em tributos e benefícios


Texto: Elaine Cristina Malheiros | Via: New Age Comunicação 
Havan prevê melhores resultados no balanço de 2016 em relação ao ano anterior Havan prevê melhores resultados no balanço de 2016 em relação ao ano anterior Reviewed by williamxd gamerbr on 18 novembro Rating: 5

NW Blumenau No Twitter