Esclarecimento da SCGás sobre queda de barreira na BR-470 em Ibirama

Após os incidentes que ocorreram na madrugada, desta quarta-feira, 31, na BR-470 em Ibirama, ocasionando a abertura de uma cratera no km 114 e queda de barreiras no km 116, a SCGÁS informa que a rede de gasodutos instalada na rodovia não teve relação com os acontecimentos.
(Foto: Polícia Rodoviária Federal Rio do Sul)
Segundo os técnicos da Companhia, o local tem solo úmido e suscetível a incidentes dessa natureza, o que foi potencializado pela chuva que ocorreu na última terça-feira. Além disso, a cratera aberta na rodovia está localizada no lado oposto da rede de gasodutos.
Há histórico de quedas de barreiras no local desde antes da instalação da rede de gás natural. Segundo relatório da Defesa Civil de Ibirama, com data de 22 de julho de 2015, a entidade atendeu a sete ocorrências na região em 2013 e 10 em 2014, deslocando-se até o local 23 vezes, sendo quatro delas, inclusive, com o apoio dos Bombeiros Voluntários de Ibirama. Logo, não há relação dos deslizamentos com as obras de gás natural, pois os trabalhos naquela região começaram somente em dezembro de 2014.

A SCGÁS reforça que segue todas as normas e especificações para a construção e montagem dos gasodutos e teve os seus projetos e obras aprovados pelo DNIT, órgão responsável pela conservação daquela Rodovia. A Companhia permanece à disposição da imprensa, sociedade e demais instituições para esclarecimentos adicionais através do e-mail ou do 0800.48.5050.



Texto: Leonardo Mosimann Estrella | Via: SCGás 
Esclarecimento da SCGás sobre queda de barreira na BR-470 em Ibirama Esclarecimento da SCGás sobre queda de barreira na BR-470 em Ibirama Reviewed by Wellington Civiero Ferreira on 31 agosto Rating: 5

NW Blumenau No Twitter